Como Fazer a Criança Comer o que Não Gosta

Saiba o que fazer com o seu filho enjoado para comer

Artigo publicado por Juliane Freitas nas categorias: Bebês

Muitas vezes a hora da refeição deixa de ser de tranquilidade e satisfação e passa a ser um momento tormentoso. Basta a hora do almoço se aproximar e os pais já começam a se perguntar como vão fazer o filho comer hoje sem ter que passar pelos instantes de choro, birra e chantagem. Acontece mais frequentemente do que se imagina: depois que se inicia nos alimentos sólidos, praticamente metade das crianças é mais que seletiva pra comer — muitas pulam refeições ou comem pouco e escolhem a dedo o que vai entrar em suas bocas, ou seja, nada de verduras e legumes ou qualquer coisa que tenha provocado estranhamento suficiente pra ser alvo de pirraça. Para acabar com o stress na hora das refeições, temos algumas dicas que podem ajudar. Veja a seguir.

criança enjoada para comer2

Sem tempo pra comer

Crianças novinhas estão muito comumente mais interessadas em brincar e aprender a andar do que em comer, o que é perfeitamente normal e tende a se ajustar conforme elas crescem. Mesmo assim, elas precisam de energia pra poder continuar desenvolvendo suas habilidades e sua alimentação é muito importante para isso, principalmente porque uma criança com fome é quase sempre uma criança irritadiça. Como crianças nessa idade precisam de em torno de cinco refeições por dia, mas estão muito ocupadas crescendo, então evite alimentos calóricos sem valor nutritivo significante, como biscoitos e doces, pois eles serão desperdício de tempo e apetite. Já que elas vão querer comer pouco, que comam muito bem, não é?

Bons hábitos alimentares

Lucas, snow 2nd attemptComer sempre à mesa é um hábito saudável, ao contrário de comer em frente à televisão, no carro ou andando pela casa. Mesmo que crianças novinhas façam muita sujeira com a comida, elas estão entrando em contato com os alimentos, o que é um grande passo pra aprender a gostar deles e a descobrir como usar os utensílios, então não se preocupe com isso.

Procure fazer a criança sentar-se à mesa pra que ela tenha noção dos horários em que as refeições serão servidas, até porque para crianças pequenas essa pode ser uma hora divertida e vai ajudar na socialização dela no futuro.

Imitando

A maioria das crianças aprende a moldar seus hábitos de acordo com os de seus pais. Não adianta querer “empurrar” alimentos nutritivos e cultivar bons hábitos no seu filho se você come pizza duas vezes por semana na frente da tevê. Aproveite a importância dos bons hábitos do seu filho para mudar maus hábitos seus.

hábitos dos pais2

Não force

Quando a criança é bem novinha, é importante manter as refeições regulares, mas não a force a comer. É importante para hábitos alimentares futuros que ela desenvolva a habilidade de dizer quando está satisfeita, então se ela começar a resistir ou empurrar a comida, é porque já não está mais com fome e não vai adiantar forçá-la de qualquer forma. Lembre-se de que, depois dos 18 meses, seu filho não vai precisar comer tanto quanto antes, pois o ritmo de crescimento diminui um pouco nessa fase.

Acontece muito de algumas crianças se fixarem num certo prato e quererem comê-lo todos os dias. De qualquer forma, ofereça outros alimentos frequentemente, sem se deixar abater pelas recusas, e tente fazer refeições atrativas e coloridas. Se essa fixação não for num alimento nutritivo, verifique com um médico se é necessário que seu filho tome alguma vitamina.

quando-a-crianca-nao-quer-comer

De qualquer forma, tentar obrigar seu filho a comer algo, dizer a ele que só sairá da mesa depois que ele raspar o prato ou coisas parecidas só vai piorar a situação. Continue oferecendo a comida e procure novas tentativas algumas horas depois. Sente-se com ele na mesa e comam juntos, sem que você o fique encarando e esperando ele comer. Procure lanchinhos atrativos e nutritivos. Se ele não quiser comer na hora, não se preocupe. Ele não vai morrer de fome; quando a vontade bater, ele vai comer o que estiver disponível. O importante é não transformar a hora de comer numa batalha.

Líquidos

Priorize água. Seu filho não precisa de mais de 700ml de leite ou amis de 180ml de suco por dia. Sucos não naturais, aliás, contém muito açúcar, o que não é saudável.

Quando for a hora de tirar a mamadeira, providencie isso e vá retirando aos poucos. Tomar leite ou suco demais é prejudicial.

refeição colorida

Diversão

Procure receitas que você possa preparar com seu filho, como sanduíches ou mini pizzas. Deixe ingredientes nutritivos e variados à disposição, assim ele será participativo e a hora de comer será muito mais atraente.

Comente!




*Campos obrigatórios