Cólica na Gravidez

Gravidas devem relatar desconforto ao médico

Artigo publicado por Juliane Freitas nas categorias: Gestação, Problemas

Durante a gravidez os sintomas podem variar de mulher para mulher, tudo depende de como anda a gestação e o corpo da mulher. Entre um dos sintomas está a cólica. Sim, mesmo que você não esteja mais menstruando ela pode aparecer. É preciso estar atento aos sintomas que estão relacionados com ela, e sempre informar ao médico. Por isso o pré-natal é de extrema importância, evita que as futuras mamães entrem em pânico ou fiquem sem entender certos sintomas.

gravidez

Dores e Incômodos Abdominais

As dores e incômodos abdominais são comuns durante a gestação, e relativamente normais. Qualquer cólica e incomodo deve ser avisado de imediato para o médico, principalmente se forem fortes e corriqueiras. O primeiro e terceiro trimestre são as épocas mais comuns em que a cólica aparece. Os motivos da cólica podem ser diversos, o mais comum é que devido às contrações que o útero estava acostumado a fazer nos meses em que a mulher menstruava ele continua a fazer essa contração, e a dor permanece devido ao trabalho que o útero tem para acomodar o bebê.

Por isso a dor faz parte do processo natural, e não contém riscos. As cólicas preocupantes são aquelas que além da dor intensa acontece um sangramento, ou uma dor intensa abaixo do ventre, neste caso pode ser indicação de aborto. Tirando este fator, as cólicas normais podem aparecer com corrimentos e infecção urinária. Não há como prevenir as cólicas, e para remediar o médico é a pessoa mais adequada para indicar como aliviar.

Como tratar?

O primeiro passo é o médico checar essas cólicas, principalmente se forem fortes. Geralmente são feitos exames para descartar infecções urinárias e intestinais. Em alguns casos é preciso uso de medicamentos, abstinência sexual e repouso. É importante que toda gestante evite carregar peso desnecessário, realize atividades físicas controladas, tenha uma dieta rica em líquidos, verduras, legumes, e evite alimentos fermentados, que causam gases. Gravidez não é doença, a mulher precisa apenas tomar alguns cuidados com a alimentação e se exercitar sem se esforçar demais, são formas de não prejudicar o feto. E para as que sentem cólicas é importante relatar o médico antes de se desesperar.

4 comentários

  1. Wilsa Tembe

    È importante cuidar da sáude durante a gravidez Amei as Dicas

  2. Sara

    fiz o exame de farmacia deu positivo e no de sangue também mais antes tinha feito uma transvaginal como toda mulher faz e não detectou nada só uma infecçãozinha eu desconfiei que estava gravida devido o atraso de 7 dias ai fiz o de farmacia deu positivo ai depois fiz o de sangue deu também ainda vou ao medico mostrar o resultado eu ja sei que estou gravida porque ja mostrei pro outro medico aqui no posto pois sou muito ansiosa mais ultimamente ando sentindo umas dor de cólicas fracas mais estou sentindo o que será?

  3. jana

    tenho 32 anos e tenho 3 filhos,uma menina de 12,um menino de 4 e um menino de 2 anos,as duas últimas gravidez tive cólicas,mais tava tdo normal graças a DEUS,normalmente ñ tenho cólicas,mais meu médico disse que as cólicas na gravidez são normais.

  4. cleciane

    sou casada ha tres anos nunca tomei anticocepcionais,minhas colicas no periodo menstrual eram terriveis e o ciclo durava oito dias,esse mes senti meu corpo diferente,engordei,meus seios estao inchados,sensiveis e com veias um pouco aparentes,estou com bastante apetite,nao controlo minha vontade de fazer xixi,sinto dores nas costas,de cabeça,sinto enjoos nao tão frequentes,muito sono,esse mes veio um sagramento ou menstruação nao sei durou apenas tres dias e no ultimo sangue limpinho e sem colica apenas um desconforto,enfim posso estar gravida?

Comente!




*Campos obrigatórios